Os alimentos chamados funcionais possuem substâncias, além dos seus nutrientes, chamadas de Fitoquímicos, que são os princípios ativos responsáveis pelas funções que lhe são atribuídas, considerados promotores de saúde, podem estar associados com a diminuição dos riscos de algumas doenças crônicas. Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), alimentos funcionais são aqueles que produzem efeitos metabólicos ou fisiológicos através da atuação de um nutriente ou não nutriente no crescimento, desenvolvimento, manutenção e em outras funções normais do organismo humano.

alimentação funcional

Isso ocorre porque em sua composição são encontrados compostos bioativos, capazes de atuar como moduladores dos processos metabólicos, prevenindo o surgimento precoce de doenças degenerativas. Dessa forma, está cada vez mais claro que existe uma relação entre os alimentos que consumimos e nossa saúde. Podemos citar como alimentos funcionais os grãos, cereais, frutas e verduras, leite e seus derivado com os seus devidos elementos para a saúde.


Os principais alimentos classificados como funcionais são: soja e derivados, cereais integrais (aveia, centeio, cevada, farelo de trigo), tomate, uva, couve-flor e brócolis, linhaça, hortaliças com talo, leite fermentado, entre muitos outros.

Confira abaixo os principais benefícios dos alimentos funcionais para o organismo:
Casca de uva, vinho tinto e maçãs – Redução de doenças cardiovasculares e formação de coágulos e inflamações
Soja e derivados – Redução do risco de doenças cardiovasculares, alívio das ondas de calor em mulheres na menopausa
Brócolis, repolho, couve-flor e rabanete – Aumento da atividade de enzimas que combatem a formação de células cancerígenas
Tomate, goiaba e melancia – Atividade antioxidante, redução do risco de doenças cardiovasculares e proteção contra o câncer (especialmente de próstata)
Folhas Verdes – Proteção contra degeneração macular, manutenção de uma boa visão
Linhaça – Inibição de tumores, prevenção de doenças cardiovasculares e controle de doenças auto-imunes e inflamatórias
Grãos integrais, frutas e vegetais em geral – Melhora na saúde intestinal, redução do risco de câncer de cólon e controle do colesterol e glicemia
Leites fermentados e iogurtes – Melhora da saúde intestinal e redução do risco de câncer de cólon



Nutricionista Fabiana Albanesi